Carrinho

Seu carrinho está vazio.

Efeitos da falta de sono no seu dia a dia

Mais de 45% da população mundial sofrem com problemas de sono e, isso causa efeitos físicos e mentais, o que são prejudiciais à saúde e a qualidade de vida. 

Não há nada melhor do que ter uma boa noite de sono, não é mesmo? Acordamos mais leves, dispostos e bem humorados. 


Falta de sono 

Trata-se de uma situação que a pessoa não consegue dormir as horas necessárias para estar devidamente descansado. Ele dorme bem menos do que o corpo precisa, o que afeta a sua rotina. 

O ideal é dormir em média 8 horas diariamente, o que é considerado ideal para mante a saúde em dia.


Como a falta de sono afeta nossa saúde?

Com a privação do sono, nosso corpo é quem mais sai prejudicado. Ao dormir menos que o recomendado a saúde no geral fica fragilizada. 

É comum que pessoas que dormem menos desenvolvam problemas diversos relacionados a saúde. 


Confira efeitos da falta de sono:

1.Alimentação 

Quando dormimos mal, a tendência é nos alimentarmos de maneira errada. 

A falta de sono influencia no peso. 

Diabetes e obesidade são problemas que podem ser desenvolvidos por conta das noites mal dormidas. 

Dormir bem é essencial para a regulação do metabolismo, especialmente as crianças. 


2.Baixa imunidade 

Uma das funções do sono é reparar o organismo, momento em que ele repõe os anticorpos que perde ao longo do dia. 

Quando a pessoa dorme mal, o sistema imunológico é afetado. 

Um estudo apontou que se dormirmos apenas 4 horas por noite, a produção dos anticorpos reduz pela metade. 


3.Saúde mental afetada 

Dormir pouco tem relação com uma variedade de transtornos físicos, mentais e de comportamento. 

É um círculo vicioso: se tem problemas mentais, dorme pouco, e vice-versa. 


4.Menor rendimento físico 

Dormir bem é importante para ter energia durante o dia, trata-se de um aspecto fundamental para o funcionamento do nosso corpo. 

O corpo precisa de um mínimo de horas de descanso – 8 horas de sono como por exemplo 

*Praticar exercícios físicos estimulam um sono melhor, uma combinação perfeita entre as atividades. 


5.Facilita o envelhecimento precoce 

É durante o sono que os hormônios rejuvenescedores são produzidos, como a melatonina, responsável pelo crescimento, ela também tem como principal função o reparo da pele e efeitos calmantes. 

Quem dorme mal tende a ter uma pele sem viço e muitas olheiras, logo as rugas e outros sinais de envelhecimento surgem com a facilidade. 



Dormir as horas suficientes é algo extremamente necessário. É uma questão de saúde pública.